TEM CARA DE CARO?

Consultoria de Imagem
30/06/2016

Se existe algo que minhas amigas e clientes sempre me escutam falar é uma expressão que eu mesma cunhei e que não tiro da boca: o “cara de caro“. Isso é um conceito um tanto abstrato, sobre se a peça em questão aparenta ter custado bastante ou não. Por que eu sempre faço este questionamento? Não é de forma nenhuma uma questão de preço, muito pelo contrário. É apenas um recurso para observar se aquele item aparenta ter sofisticação e, sobretudo, qualidade. E “cara de caro” é bem sonoro e memorável, rs. 

cara de caro

Eu sempre faço esta pergunta antes de uma compra ou no momento do descarte, justamente porque muitas vezes pagamos caro em roupas e acessórios que não aparentam ter qualidade (e muitas vezes não tem mesmo). Inversamente, podemos ter achados maravilhosos, com um ar super sofisticado, com preços mais convidativos. Então, mais importante do que a sua verba, é o resultado que aquele item vai atribuir ao seu visual. Estamos acostumados a pensar que o que custa mais caro é o que aparenta ter mais sofisticação. Mas não é sempre o caso… Por isso, criei um joguinho aqui para testarmos essa velha crença, com botas já que é inverno: 

 

Será que o preço reflete necessariamente uma boa aparência? rs. Essa vai ser uma tag fixa aqui, para brincarmos mais vezes de adivinhar o mais caro. O que acham?

Claro que a gente deve sempre ponderar outros critérios na hora da compra, como durabilidade e material, por exemplo. Mas isso ajuda a saber se tudo o que você está investindo reverbera em uma imagem bem acabada e polida. Ainda que seja um shortinho todo rasgado… Pela lavagem, corte e costura a gente consegue ter impressões bem diferentes de um short para o outro. 

cara de caro

O departamento mais bacana para encontrar itens baratos com “cara de caro” para mim é o de bijoux. Sem dúvida, o território mais fértil. Usei durante anos um brinco que me custou 2,50 Libras e que parecia caríssimo. Esse brinco era um case. Mas já encontrei diversos outros brincos, colares e afins super baratos, mas que pareciam riquíssimos. Um outro bom exemplo disso é a Zara. Se você me perguntar, um dos grandes motivos do sucesso da loja é justamente a sensação de estarmos comprando peças sofisticadas, sem ter que pagar fortunas. Claro que isso não se aplica a tudo (e a quase nada da Trafaluc), mas ressalto aqui a alfaiataria deles, que é muito bacana. 

Screen Shot 2016-06-30 at 3.25.13 AM

E como identificamos uma peça com “cara de cara“? Independentemente do custo de uma roupa ou acessório, temos que observar a modelagem, o caimento, a aparência do tecido… Às vezes até a cor. Estampas também podem ter uma padronagem que valoriza ou detona o item. Pequenas coisas como o zíper, o botão, a costura ou o bordado também são importantes. Que tal trocar os botões de um blazer bonito, mas com esse detalhe que desvaloriza (não escolhi esse exemplo à toa, acontece muito em fast-fashions)? Às vezes pode ser uma questão de ajuste ao corpo também. 

Eu sempre gosto de lembrar: tudo isso é sempre uma ferramenta e nunca uma regra. Este é apenas um bom recurso para quem quer otimizar sua verba e estar com um look sofisticado, mesmo que seja tão casual e despretensioso quanto um short e chinelo

Beijos,

gabi

POSTS RELACIONADOS

LINDO! MAS E EU COM ISSO?
O CÃO É O MELHOR AMIGO DO HOMEM. O DRAPEADO, O DA MULHER
PROGRAMAS DE TRANFORMAÇÃO X CONSULTORIA DE IMAGEM
O CORTE DE CABELO QUE MUDOU A MINHA VIDA – E A SUA
  1. VANESSA BRUNT Em 30/06/2016

    Adorei demais a reflexão e as indicações para observações mais aguçadas! Muitas vezes compro peças bem mais baratas que duram super bem e acabam valendo mais. Acho um absurdo uma calça por dois mil reais, por exemplo. Tenho várias de 100 ou menos que estão no meu armário há anos e ainda me fazem muito feliz, rs. A qualidade e o estilo são os mais importantes. Muitas vezes também já experimentei peças que pareciam ter qualidade agigantada, mas que EM MIM, não gostei tanto. Aí do que adianta? Mal usaria… melhor levar a mais baratinha e com aspecto de que precisa de certos cuidados, mas que vai entrar no ‘me faz bem’ do que o resto, não é?

    http://WWW.SEMQUASES.COM


    Responder

  2. VANESSA BRUNT Em 30/06/2016

    Adorei demais a reflexão e as indicações para observações mais aguçadas! Muitas vezes compro peças bem mais baratas que duram super bem e acabam valendo mais. Acho um absurdo uma calça por dois mil reais, por exemplo. Tenho várias de 100 ou menos que estão no meu armário há anos e ainda me fazem muito feliz, rs. A qualidade e o estilo são os mais importantes. Muitas vezes também já experimentei peças que pareciam ter qualidade agigantada, mas que EM MIM, não gostei tanto. Aí do que adianta? Mal usaria… melhor levar a mais baratinha e com aspecto de que precisa de certos cuidados, mas que vai entrar no ‘me faz bem’ do que o resto, não é?

    http://WWW.SEMQUASES.COM


    Responder

    • Gabriela Ganem Em 05/07/2016

      Sem dúvida Vanessa!
      Muitas peças baratinhas estão compensando mais e até durando mais…
      Beijos,
      Gabi


      Responder

  3. Gabriela Lopes Em 30/06/2016

    Gostei do post!

    Confesso que na hora que você falou da Zara eu torci o nariz, pois acho o acabamento de lá bem ruim. Mas é verdade que a parte de alfaiataria costuma ser bem feita e ficar com ótimo caimento.
    Aliás, os blazers de lá são muito bons!!!

    Gosto de itens com cara de rico, mas eles não são nada fáceis de achar…


    Responder

    • Gabriela Ganem Em 05/07/2016

      Amo os blazers de lá! Engana muita gente, rs.
      Beijos,
      Gabi


      Responder

      • sc.edu Em 28/10/2016

        In answer to Barghouti’s challenge: Does he think that Morsi, the democratically elected leader of Egypt, is a good example of what will result from Palestinian democracy?The Palestinians have already had democratically elected Presidents. Why would they need advice from Israelis or Egyptians? What’s your next dumb question?




      • http://www./ Em 25/12/2016

        Elle t’a écouté. Nan mais sérieux, il suffit qu’elle mette la pression et Stosur panique. Je croyais qu’elle avait dépassé ce stade-là en battant Henin et Williams mais apparemment non.




  4. Lidy Alencar Em 01/07/2016

    No meu blog também falo muito sobre isso, lá a tag é Baratinho Bom; a cada busca para escrever um novo post me surpreendo com os sapatos, é incrível como as marcas populares tem melhorado a qualidade dos acabamentos e do design das peças.
    O melhor é que com os anos vamos treinando o olhar para encontrar tesouros em todo canto.
    Boa sorte no blog novo, eu já amo.


    Responder

    • Gabriela Ganem Em 05/07/2016

      Obrigada Lidy!
      E é verdade… As marcas não estão dormindo no ponto!
      Beijos,
      Gabi


      Responder

  5. Barbara Em 01/07/2016

    Adoreiiii a tag, super voto para ser fixo!
    Nem tudo que reluz é ouro, já dizia a velha sábia… 🙂
    Beijos,
    Barbara.


    Responder

  6. Priscila Rocha Em 01/07/2016

    Olá Gabriela, primeira vez que leio seu blog e resolvi comentar (vim atraída pelo tema).
    Essa reflexão é perfeita. Resumidamente: Nem tudo o que reluz é ouro.
    Beijos


    Responder

  7. julia Em 02/07/2016

    Oi Gabi! Tô adorando os posts, queria só dar uma sugestão sobre o layout! Achei o cinza da letra dos posts tão clarinho! Para mim está sendo bem cansativo de ler! Apenas uma crítica construtiva, de resto achei o novo blog ótimo! Sucesso!


    Responder

    • Gabriela Ganem Em 05/07/2016

      Obrigada pelo toque Julia!
      Vou mexer nesta configuração. 😉
      Beijos,
      Gabi


      Responder

  8. maria Em 02/07/2016

    Bem que minha vó dizia nunca pague 100 numa peça que parece valer 10 , ou menos da metade do valor kkk errei todas


    Responder

  9. Ludmila Em 04/07/2016

    Só passei pra comentar (sou mais uma das milhares leitoras invisíveis de blog) porque eu ERREI TODOS DO TESTE. Isso significa que eu sei usar meu escasso dinheirinho?? rsrsrsrs
    Tô adorando o novo blog! Beijos, Gabi!


    Responder

    • Gabriela Ganem Em 05/07/2016

      Hahahaha… Todos? Então você está muito bem! rs
      Obrigada Ludmila!
      Beijos,
      Gabi


      Responder

  10. Anna Camila Brito Em 04/07/2016

    Adorei o post!
    E essa coisa de cara de caro é muito boa, e muito verdadeira, tanto que errei 4! hahaha
    O blog está muito, muito bom!
    Continue trazendo conteúdo mara pra gente! rs

    Beijos


    Responder

  11. Pingback: A CAMISETA LISTRADA É SUA MELHOR AMIGA | Gabriela Ganem

  12. Pingback: ACHADOS DE BLACK FRIDAY :: AINDA DÁ TEMPO!