POST DEFINITIVO SOBRE CONTRASTE & COLORAÇÃO PESSOAL

Consultoria de Imagem
09/06/2017

Eu sempre falo sobre a noção de contraste na coloração pessoal aqui no blog. Eu insisto tanto nessa parte, porque é a única parte da Análise Cromática que pode ser identificada imediatamente, sem material ou luz especial. Longe de ser a única característica importante, mas é a mais acessível, rs. Por isso, eu encorajo todo mundo a dominar esse conceito e a botar em prática! Mas o que é isso afinal?

Contraste analise cromatica gabriela ganem consultoria de imagem

O contraste é, na prática, a diferença entre cor do cabelo, sobrancelha e olhos em relação ao tom da pele. Quando a discrepância é grande, a pessoa é alto contraste. Quando a diferença é sutil ou nenhuma (eu estou falando de você, Nicole Kidman), então a pessoa é baixo contraste.

Supondo que seja alguém como a Cléo Pires, de pele clarinha e o resto todo bem preto. Esta pessoa é muito contrastada. Mas imagine que seja a Cléo Pires daquela novela da Turquia (Salve Jorge). Atrizes sempre mudam para papéis, certo? Neste caso a Cléo ficou loirassa! O que acontece com o contraste nessa situação? Baixou quase por completo. Isso porque de toda a Coloração Pessoal, a única coisa que pode mudar ao longo da vida é justamente o contraste. Algumas pessoas podem ter todos os níveis durante a vida, dependendo das mudanças capilares, bronzeado e outras intervenções. Observem a Jennifer Lawrence:

Contraste analise cromatica gabriela ganem consultoria de imagem

Tem ainda o meio-termo, o médio contraste. Eu também costumo tratar a escala como o ponto da carne: baixo, baixo-médio, médio, médio-alto, alto. Segmento em 5 etapas porque apenas 3 classificações acabam não sendo abrangentes o suficiente. Então, observando a diferença entre pele e pêlos (e íris) dá para determinar fácil o contraste de alguém. Para ajudar no aprendizado, preparei um quiz maroto para todo mundo ver se está afiado:


Como vocês se saíram? Eu fiz um teste bem molezinha e só com três opções, ao invés de cinco, para facilitar. Para quem errou, vale refazer o teste para ter certeza, rs. 

Por que o contraste é tratado à parte da cartela de cores da Análise Cromática? Porque duas pessoas podem ter a mesma cartela e contrastes completamente diferentes e vice-versa. Então, eu sempre explico que é um recurso complementar. Você pode usar todas as cores da sua cartela, sempre. Mas recomendo que na hora do styling considere o equilíbrio de cores perto do rosto. 

Contraste analise cromatica gabriela ganem consultoria de imagem

Agora que você sabe como identificar este traço, como botar isso em prática nas roupas e acessórios? Basta repetir seu grau de contraste nas peças! No meu caso, que sou bem contrastada, busco usar itens que destoem bastante da minha pele. Se eu não puder fazer isso com a roupa, compenso com o batom, com bijoux, com lenço… Ou pelo menos solto o cabelo, rs. O importante é que a sua fisionomia não “desapareça” em meio às roupas. 

Contraste analise cromatica gabriela ganem consultoria de imagem

O cabelo claro da Jennifer Lopez tem me incomodado tanto…

Uma outra questão é se seu contraste atual é realmente a sua melhor versão. Esse é um daqueles casos em que a Consultoria de imagem deixa de ser estritamente técnica e deixa brecha para o olhar da Consultora entrar no mérito. Muitas vezes eu noto que tem algo que não está totalmente equilibrado no contraste de uma cliente e nesses casos eu dou algumas sugestões. Na maioria das vezes é algo relacionado à tintura do cabelo ou ao estado da sobrancelha. 

Espero que este post ajude todo mundo a identificar seu contraste e a colocar o aprendizado em prática! E para quem quiser se aprofundar mais, vale conferir a página de portfólio e serviços para conhecer os pacotes de Consultoria de Imagem que eu ofereço.

Beijos,

gabi

POSTS RELACIONADOS

SABRINA SATO :: AZUL OU DOURADA?
MARINHO É A COR MAIS NEUTRA
OS BATONS DE CADA ESTAÇÃO
OS 10 BATONS DA MAC MAIS VENDIDOS – E A SUA COLORAÇÃO
  1. Gabiii Em 09/06/2017

    Gabiiii
    Mudou minha vida descobrir que sou Alto Contraste, alias somos né.
    Não sei se sou quente ou fria na maquigem mas dos contraste acertei todas as respostas.
    Obrigada pelo conhecimento partilhado
    Beijo


    Responder

  2. Mylena Em 09/06/2017

    Faltou dizer o que usar em cada caso. Bj!


    Responder

  3. Talyta Senna Em 10/06/2017

    Gabi, adorei o post! Super esclarecedor…Como sou leitora assídua já tinha uma idéia de que meu contraste era médio, hoje tive certeza! Acho que para um próximo post ficou pendente explicar a relação entre as peças usadas na parte do tronco para “casar” com cada tipo de contraste…Pra mim foi novidade saber que devemos manter o tipo de contraste para as peças superiores/acessórios. Podia explicar mais sobre isso! Entendi seu exemplo sobre seu caso, mas não consigo visualizar para os demais, tipo a Nicole Kidman só em tons pastéis e a Juliana Paes em tons terrosos?


    Responder

  4. Sil Em 12/06/2017

    Em todas as fotos JLaw errou feio no corretivo! Isso vale como algum ponto extra?! 😀
    Pq esse corretivo tão claro? Que nervoso, tá pior que os cabelos loiros de JLo

    Beijos!


    Responder

  5. Pingback: TRUQUE :: TRANSPARÊNCIA E COLORAÇÃO | Gabriela Ganem

  6. Pingback: OLHO NO LENÇO! | Gabriela Ganem | Consultoria de Imagem

  7. Belonisa Trindade Em 19/07/2017

    Oii Gabi,
    Desde que conheci seu blog-há um mês, mais ou menos, o li inteiro rsrs-tenho tentado aprender e acho que estou conseguindo. Neste, em especial, ficou uma dúvida: quem estaria nas classificações de baixo-médio e médio-alto? Fiquei na dúvida se eu seria alto contraste ou não justamente por conta dessas classificações intermediárias-tenho olhos verdes, pele bem branca e cabelo loiro escuro- não soube/não tinha essa referência do baixo-médio ou médio-alto para poder me encontrar rsrs.
    Seu trabalho é impecável e ainda farei minha análise completa com vc:)
    Beijo


    Responder

    • Gabriela Ganem Em 25/07/2017

      Oi Belonisa!

      Pela sua descrição, eu diria que você está num médio contraste. 😉
      Mas vou elaborar mais sobre isso ainda…
      Beijos e muito obrigada,
      Gabi


      Responder

  8. Pingback: ENGANANDO O CONTRASTE COM CARA DELEVINGNE

  9. Pingback: PRIMAVERA, VERÃO, OUTONO, INVERNO :: ANÁLISE CROMÁTICA

  10. Pingback: SE ESSE CABELO FOSSE MEU :: JULIANA PAES | Gabriela Ganem

  11. Pingback: SABRINA SATO :: AZUL OU DOURADA? | Gabriela Ganem