POST DEFINITIVO SOBRE CONTRASTE & COLORAÇÃO PESSOAL

Consultoria de Imagem
09/06/2017

Eu sempre falo sobre a noção de contraste na coloração pessoal aqui no blog. Eu insisto tanto nessa parte, porque é a única parte da Análise Cromática que pode ser identificada imediatamente, sem material ou luz especial. Longe de ser a única característica importante, mas é a mais acessível, rs. Por isso, eu encorajo todo mundo a dominar esse conceito e a botar em prática! Mas o que é isso afinal?

Contraste analise cromatica gabriela ganem consultoria de imagem

O contraste é, na prática, a diferença entre cor do cabelo, sobrancelha e olhos em relação ao tom da pele. Quando a discrepância é grande, a pessoa é alto contraste. Quando a diferença é sutil ou nenhuma (eu estou falando de você, Nicole Kidman), então a pessoa é baixo contraste.

Supondo que seja alguém como a Cléo Pires, de pele clarinha e o resto todo bem preto. Esta pessoa é muito contrastada. Mas imagine que seja a Cléo Pires daquela novela da Turquia (Salve Jorge). Atrizes sempre mudam para papéis, certo? Neste caso a Cléo ficou loirassa! O que acontece com o contraste nessa situação? Baixou quase por completo. Isso porque de toda a Coloração Pessoal, a única coisa que pode mudar ao longo da vida é justamente o contraste. Algumas pessoas podem ter todos os níveis durante a vida, dependendo das mudanças capilares, bronzeado e outras intervenções. Observem a Jennifer Lawrence:

Contraste analise cromatica gabriela ganem consultoria de imagem

Tem ainda o meio-termo, o médio contraste. Eu também costumo tratar a escala como o ponto da carne: baixo, baixo-médio, médio, médio-alto, alto. Segmento em 5 etapas porque apenas 3 classificações acabam não sendo abrangentes o suficiente. Então, observando a diferença entre pele e pêlos (e íris) dá para determinar fácil o contraste de alguém. Para ajudar no aprendizado, preparei um quiz maroto para todo mundo ver se está afiado:


Como vocês se saíram? Eu fiz um teste bem molezinha e só com três opções, ao invés de cinco, para facilitar. Para quem errou, vale refazer o teste para ter certeza, rs. 

Por que o contraste é tratado à parte da cartela de cores da Análise Cromática? Porque duas pessoas podem ter a mesma cartela e contrastes completamente diferentes e vice-versa. Então, eu sempre explico que é um recurso complementar. Você pode usar todas as cores da sua cartela, sempre. Mas recomendo que na hora do styling considere o equilíbrio de cores perto do rosto. 

Contraste analise cromatica gabriela ganem consultoria de imagem

Agora que você sabe como identificar este traço, como botar isso em prática nas roupas e acessórios? Basta repetir seu grau de contraste nas peças! No meu caso, que sou bem contrastada, busco usar itens que destoem bastante da minha pele. Se eu não puder fazer isso com a roupa, compenso com o batom, com bijoux, com lenço… Ou pelo menos solto o cabelo, rs. O importante é que a sua fisionomia não “desapareça” em meio às roupas. 

Contraste analise cromatica gabriela ganem consultoria de imagem

O cabelo claro da Jennifer Lopez tem me incomodado tanto…

Uma outra questão é se seu contraste atual é realmente a sua melhor versão. Esse é um daqueles casos em que a Consultoria de imagem deixa de ser estritamente técnica e deixa brecha para o olhar da Consultora entrar no mérito. Muitas vezes eu noto que tem algo que não está totalmente equilibrado no contraste de uma cliente e nesses casos eu dou algumas sugestões. Na maioria das vezes é algo relacionado à tintura do cabelo ou ao estado da sobrancelha. 

Espero que este post ajude todo mundo a identificar seu contraste e a colocar o aprendizado em prática! E para quem quiser se aprofundar mais, vale conferir a página de portfólio e serviços para conhecer os pacotes de Consultoria de Imagem que eu ofereço.

Beijos,

gabi

POSTS RELACIONADOS

ENGANANDO O CONTRASTE COM CARA DELEVINGNE
OLHO NO LENÇO!
CORES QUENTES X CORES FRIAS
“VERMELHO ME CAI BEM”

QUÃO IMPORTANTE É A MAQUIAGEM PARA O SEU CONTRASTE?

Sem categoria
06/06/2017

Eu não sou dessas pessoas que prega que maquiagem é item obrigatório. De forma nenhuma. Cada um é livre para escolher e eu mesma não uso maquiagem todos os dias. Mas a gente sabe que faz uma grande diferença na vida profissional – e salário, rs. Por isso eu acho válido usar essa ferramenta, pelo menos quando for vantajoso, rs. Para algumas pessoas pode ser ainda mais crucial do que para outras, dependendo do contraste

Para pessoas como eu, branquelas e de cabelo escuro, por exemplo, se a sobrancelha e os cílios não tiverem a mesma presença, os traços podem ficar apagados. No visual geral, o cabelo pode acabar ofuscando o rosto. Nesse caso é possível que exista um descompasso no contraste. Já aconteceu de eu sugerir a algumas clientes um ajuste sutil na cor do cabelo (uma possibilidade). Mas para quem não gosta de se aventurar em tintura, a melhor solução ainda é um lápis e rímel. 

Não falo maquiagem de pele completa, olho e boca. Falo apenas em relação ao contraste. Realçar a linha dos cílios e da sobrancelha mudam completamente a expressão. Aprendi isso até na aula de desenho da faculdade, rs. Com esses traços marcados, o olhar e a fisionomia têm muito mais vida. E isso serve para qualquer nível de contraste, mas é ainda mais relevante para as mulheres de alto-contraste. 

Maquiagem contraste gabriela ganem Consultoria de imagem analise cromatica

Sutileza que vai longe

Se eu fosse passar apenas 3 produtos antes de sair de casa, eles seriam um pó na pele, um rímel e uma sombra na sobrancelha. O quarto seria um batom, mas esse não vem ao caso. Por isso eu não hesitei (mentira, tive medo um tempão, mas eu sempre quis) em fazer a micropigmentação na sobrancelha. Esse vai ganhar post ainda, mas quem fez a minha foi a Mônica Pias (tel: 21 99871-3950). Graças ao pigmento, fico com os traços mais presentes em meio ao cabelo, rs. 

Voltando à coloração, para quem tem alto contraste, mas nem tão alto assim na sobrancelha e cílios, a maquiagem pode ser bem determinante. Claro que é possível ficar meio abatida em qualquer contraste, acontece. Mas quando há essa discrepância entre o cabelo e os demais pêlos, a chance é maior, rs. Por isso, essa pitada de make pode fazer muita diferença. 

Beijos,

gabi

POSTS RELACIONADOS

ENGANANDO O CONTRASTE COM CARA DELEVINGNE
OLHO NO LENÇO!
CORES QUENTES X CORES FRIAS
“VERMELHO ME CAI BEM”

10 MAKES PARA INSPIRAR SEU FDS :: PELE FRIA OU QUENTE

Beleza
02/06/2017

Fim de semana chegou! Um momento muito esperado por todos sempre, sobretudo quando se tem festividades. Nessas horas não custa nada ter um acervo de idéias de make para atender às ocasiões que surgirem. Melhor ainda quando a inspiração funciona bem para o seu tom de pele. Um dos aspectos mais importantes na hora de escolher as cores, na minha opinião, é o fator pele quente x pele fria

Eu sei que só dá para saber essa informação com precisão ao fazer uma análise cromática. Mas mesmo quem não fez a sua ainda (ou não pretende fazer) vale ficar atento a este traço da própria coloração, com muita observação e instinto. Só o fato de prestar atenção já muda bastante a nossa percepção. Quando uma coisa destoar, já é uma pista. Então vamos às inspirações, começando pelos tons para pele fria, como a minha:

maquiagem-tons-frios-pele-fria

Lindo olho cinza rosado! E este vermelho é puxado para o frio, com uma parcela de azul na composição

Sombra rosê e blush bem frio.

maquiagem-tons-frios-pele-fria

Lápis azul metalizado e gloss fúcsia.

maquiagem-tons-frios-pele-fria pele fria

Rosinha e rosão – a maioria dos tons são frios, a menos que sejam um pêssego ou goiaba…

maquiagem-tons-frios

Vinho com um bocado de azul na composição + Esfumado preto.

Vale observar que eu falo da maquiagem em si, os tons dos produtos e não a pele da modelo, necessariamente. Os tons mais puxados para o azul, branco, rosa, prata… Esses são mais frios e funcionam melhor com peles também frias. Nada de inverter a cor para compensar, como propõe a base da MAC, ok? Agora, makes de tons quentes:

 

Coral super suave.

Batom laranja e olho esfumado marrom (laranja é uma cor quentíssima!).

Perolado dourado.

Tons acobreados

Batom marsala + dourado e vinho nos olhos

Acho a maquiagem de tons quentes, de certa forma, muito mais fácil. Isso porque os tons mais clássicos da maquiagem já são em sua maioria quentes. Derivados do amarelo como a maior parte dos marrons, dourado, bronze, bege e afins. Mas para ambos os tons de pele existe uma solução bacana. A maioria das cores tem variações quentes e frias delas mesmas. Inclusive o próprio amarelo e azul, que são a referência de temperatura. 

E para quem já fez Análise Cromática comigo, vocês já sabem em qual seleção procurar, né? Não me decepcionem! rs.

 

Beijos,

gabi

POSTS RELACIONADOS

ENGANANDO O CONTRASTE COM CARA DELEVINGNE
OLHO NO LENÇO!
CORES QUENTES X CORES FRIAS
“VERMELHO ME CAI BEM”