14 IDÉIAS PARA USAR SOMBRA ROSA NESTE FIM DE SEMANA

Beleza
27/08/2016

A sombra rosa nunca esteve tanto em destaque. Apesar de sempre vê-la em alguns de nossos personagens favoritos da TV (Serena Van Der Woodsen era embaixadora), levou algum tempo para a pálpebra rosada ganhar status de tendência. Hoje o tom ganhou destaque e eu acho que é uma ótima alternativa aos marrons do cotidiano. Aliás, uma ótima opção para o dia-a-dia.

IMG_1163

O rosa funciona como um tom básico, porque é uma cor que se aproxima da coloração natural da pele (como os marrons). Eu me lembro que quando eu era pequena minha mãe passava o blush na pálpebra. Com o olhar de agora, acho uma boa idéia, inclusive porque dispensa a compra de um produto novo, rs.

IMG_1170

Esse é o look mais clássico. Um toque da cor na pálpebra e côncavo, combinado com delineado discreto e uma boca de acabamento natural (talvez com um lip tint). 

IMG_1133

Olha como fica lindo com acabamento metalizado! Acho que o segredo aqui é um lápis preto na linha d’água superior e o gatinho ali no canto.

IMG_1137

Uma opção mais ousada é escolher uma cor vibrante para usar na pálpebra toda, reforçando no côncavo, sem o pretinho do delineado. Nesse caso, eu capricharia ainda mais no rímel, para não causar estranheza.

IMG_1136

Dá para fazer um belo esfumado com tons de rosa fechados ou misturando com algum marrom. Nessa versão mais escura acho legal fazer como na foto e riscar a linha d’água inferior com um lápis claro.

IMG_1135

Glitter rosa é um risco, mas que pode valer a pena. Com tons mais fechados e uma base esfumada, fica um espetáculo!

IMG_1138

Sombras cremosas criam um look colorido e iluminado ao mesmo tempo, usando um só produto. Prático e lindo. 

IMG_1164

O pink pode ser bem descolado e acho que é uma boa pedida especialmente para meninas negras. Eu só tomaria cuidado para encontrar uma cor que combine com a tonalidade de pele. Rosa-choque costuma ser um tom bem frio. Se você tem pele quente, pode não valorizar. Aí vale migrar para uma cor mais puxada para o pêssego.

IMG_1156

Esse é para corajosas: uma sombra só na pálpebra toda, em cima e embaixo. Adorei esse tom cintilante, puxado para o cobre. Ficou um enscândalo com o cabelo ruivo.

Sombra rosa 

Não sabe o que fazer no olho quando está de batonzão? Taí uma alternativa simples e discreta. 

IMG_1146IMG_1143

A opção de sombra rosa que eu mais gosto é combinada com batom vinho. Além das cores conversarem super bem entre si, é a combinação menos óbvia e mais distante do look Barbie.

IMG_1155

Complementando o strobbing com uma sombra rosada. O look super iluminado fica ótimo com essa pitadinha de cor discreta. 

Os olhos verdes são os mais beneficiados pela sombra rosa. Isso porque são tons complementares e assim um realça o outro. Mas isso não quer dizer que não funcione para outras cores. O único obstáculo pode ser para peles negras muito escuras, porque é uma sombra clara. Mas nesse caso, basta escolher a textura certa, como pastosa ou cremosa, para dar a devida pigmentação. Um primer também pode ajudar, para quem não abre mão do pó. 

sombra rosa 1Sombra rosa gigi hadid

Gigi Hadid e a sombra rosa em dois momentos: um look bem natural e iluminado com delineador e outro esfumado e cintilante para a noite. Adoro essa versão meio ouro rosê para a noite, que foge um pouco do convencional e é uma ótima alternativa ao dourado e ao bronze. Notem como o olho dela se destaca! 

Com a harmonia certa, a sombra rosa pode ser um trunfo! Vale experimentar e descobrir uma opção diferente de cor básica ou até um novo tipo de destaque para o olhar. Minhas versões favoritas são aquelas com tons mais próximos ao da pele, que complementam nossa coloração. Vamos arriscar neste fim de semana?

Beijos,

gabi

POSTS RELACIONADOS

TENDÊNCIA :: BRINCOS DE BOLAS
A BASE CUSHION DA LANCÔME PARA QUEM NÃO GOSTA DE BASE
VAPOR BLUE :: A COR DE 2018?
QUÃO IMPORTANTE É A MAQUIAGEM PARA O SEU CONTRASTE?

USAR SHAMPOO DUAS VEZES: SIM OU NÃO?

Beleza
04/08/2016

Sempre escutei, desde a infância, que devemos passar shampoo duas vezes. Nunca o fiz, mas sabia dessa história. Mito, lenda ou verdade? Não sei… Mas no salão sempre lavam duas vezes, né? As únicas vezes que fiz isso em casa até pouco tempo foram quando eu achei que tinha esquecido de algum lugar da cabeça (acontece, sou meio Dory) ou quando quis tirar algum produto mais “teimoso”. Nos demais dias, não sentia falta. Então sigo sem saber qual é o certo, se é que existe um certo…

  passar shampoo duas vezes 2

Nunca dei muita bola para isso, até que ouvi um químico de cosmética falando sobre não repetir seu shampoo, mas sim usar produtos diferentes. Achei a proposta interessante. A ideia é usar fórmulas complementares, para aí sim tirar o maior proveito da aplicação dupla. Bem mais inteligente. Lembrei que eu mesma já fiz um combo assim recentemente, quando chegaram alguns lançamentos aqui que incluiam pré-shampoos. Na ocasião o meu cabelo andava super pesado de apenas usar produtos de reparação – que eu sequer precisava. O resultado foi excelente! Resolveu meu problema. Desde então, repito o mix de vez em quando. 

passar-shampoo-duas-vezes

Quanto a qual mistura fazer, acho que cada uma conhece seu próprio cabelo e pode definir melhor uma receita para si. Mas tomei a liberdade de pensar em alguns combos que podem dar certo. Acho que o segredo é casar produtos contrastantes, como um anti-resíduos com um de nutrição, por exemplo. Ou até complementares, como um low-poo com um shampoo para cachos, no caso das meninas cacheadas. Observem minhas sugestões:

shampoo-duas-vezes-combos

O primeiro é o que eu uso aqui agora: o Pré-shampoo da Elsève + o Dercos de nutrição da Vichy. O de Brilho extremo da Pantene faz uma limpeza profunda, pode combinar bem com o Aussie de hidratação. Já o Bossa Nova da Cadiveu é bem levinho, tipo low-poo e pode ficar ótimo com o Curvaceous da Redken para cabelos cacheados, por exemplo. Mas estas são apenas algumas ideias. Cada uma pode bolar sua receitinha, se estiver disposta a experimentar. Minha experiência tem sido positiva. Acredito que desta forma aplicar shampoo duas vezes pode mesmo ser vantagem.  

Beijos,

gabi

POSTS RELACIONADOS

A BASE CUSHION DA LANCÔME PARA QUEM NÃO GOSTA DE BASE
10 MAKES PARA INSPIRAR SEU FDS :: PELE FRIA OU QUENTE
SE ESSE CABELO FOSSE MEU :: DAKOTA JOHNSON
SARDAMANIA :: MAQUIAGEM, STENCIL E TATTOO DE SARDAS

A BELEZA MUDOU

Comportamento
11/07/2016

Há quem diga que uma troca de década/era está sempre atrelada a uma grande transformação na beauté. A beleza é um reflexo de uma mudança de paradigma, de comportamento e até de valores. Depois de um período bem saturado da maquiagem e cabelo, acredito que estamos caminhando para uma nova era da estética: sai o reboco, entra a pele natural, sai o desenho marcado, entra a luz e sombra, sai o cabelo montado e entram os fios naturais

 

É inegável o caminho que estamos tomando nesta nova era cosmética. Até os nossos produtos mudaram: hoje falamos em óleo de côco, mel, abacate… E não é receita (mas bem que poderia ficar gostoso isso aí). Aposto que nunca se usou tantas águas e óleos. Eu mesma não vivo sem água termal e pelo menos um óleozinho multifuncional. Claro que isso não quer dizer que eu dispenso os meus itens mais elaborados e tecnológicos, mas acabou a habitual predominância.

    

Alicia Keys, linda, que abandonou a maquiagem definitivamente. 

Basta observar as últimas tendências de beleza: sobrancelhas cheias, sardas aparentes (ou até falsas), cabelo cacheado, strobbing… Tudo é um reflexo de que a época da montação está chegando ao fim. Agora o que vemos são peles naturais, com viço. Nada daquela argamassa que tanto vimos e copiamos do YouTube, rs. Pessoalmente, fico bem entusiasmada com essa nova onda, já que sempre preferi uma make mais suave na pele e deixava o destaque para o batom. Mas mesmo esses estão cada vez mais suaves. Notaram? Nunca se viu tantos tons de boca nas prateleiras. O tal do “my lips but better” (meus lábios, só que melhor), batom mortadela, rosa queimado, capuccino… 

beleza mudou novo look batons nude 

Na dúvida, basta observar algumas das musas atuais: Gigi Hadid, Kendall Jenner, Lupita Nyong’o, Grazi Massafera, Blake Lively, Cara Delevigne… Até a Kylie, ícone da maquiagem e fã de um bom reboco, usa apenas tons terrosos. Para mim, a maior representante dessa nova etapa é justamente Gigi Hadid, com sua beleza solar, luminosa e até de bochechas – coisa que não se via mais. Ando pinando (tem que virar verbo) bastante suas makes e cabelos, rs. 

 gigi hadid beleza mudou novo look

Quase nada e ai que linda!

Claro que isso não restringe em nada nossas escolhas, se trata apenas de uma tendência de comportamento que reverberou na maquiagem e cabelo. Depois do ápice do look ostentação e da montação excessiva, era de se esperar que a coisa caminhasse para algo na direção oposta. Estamos vivendo um momento mais frugal no geral. Normcore, genderless, P&B… São tempos mais simples. Mas quem gosta de como as coisas estavam é livre para abusar da make e cabelo como quiser. O importante é se sentir bem. Eu vou continuar com meu batom vermelho e pele de pó mineral, até por causa da minha coloração pessoal, totalmente diferente da Gigi Hadid, rs. Aliás, essa é sempre a minha recomendação geral, independente de tendências. Mas pequenos ajustes são sempre bem-vindos, né?

Beijos,

gabi

POSTS RELACIONADOS

TENDÊNCIA :: BRINCOS DE BOLAS
A BASE CUSHION DA LANCÔME PARA QUEM NÃO GOSTA DE BASE
VAPOR BLUE :: A COR DE 2018?
QUÃO IMPORTANTE É A MAQUIAGEM PARA O SEU CONTRASTE?