O MELHOR CABIDE DO MUNDO

Estilo
07/01/2018

Não rolou nenhum concurso ou competição oficial… Mas se tivesse, não poderia haver outro vencedor. Depois de alguns anos arrumando roupas em armários por aí – isso sem contar minhas próprias desventuras – cheguei à conclusão de que existe um modelo de cabide que é superior aos demais. E em muitos aspectos!

 cabide

Meus cabides favoritos são sem dúvida os de veludo! Ou flocado, como preferir! Comprei alguns desses há uns 7 anos numa viagem e ainda são meus favoritos absolutos Isso sem contar que tenho quase todos inteiros. Um ou dois quebraram de lá pra cá. Por que eles são meus favoritos? Não dá para concorrer com tanto benefício:

Antideslizante: mesmo as roupas mais escorregadias como as de viscose ou seda aderem bem ao material e não deslizam.

Finíssimos: são os que ocupam menos espaço de todos que vi até hoje. Foi vital quando me mudei e perdi metade do espaço no armário que eu tinha.

Leves: são super leves e carregam o mesmo peso dos demais cabides.

Resistência: para um material aparentemente tão frágil, os meus estão durando muito. 

Uniformes: cabides iguais = armário lindo por dentro. Chega a dar uma alegria de ver.

O melhor é que agora tem até variedade de modelos. Desde os mais simples (procurem os que têm a entradinha para alças) até as versões com pregadores para saias e afins. Já existem inclusive versões mais bojudas para blazers e ternos ou de triplo para calças. Isso sem contar as variações para gravatas e cintos. Aliás, o de cintos é o que eu uso para pendurar meus colares. Não é nada mau!

Cabide de gravatas

Cabide de cintos

Só não troquei todos por esse ainda por esse modelo ainda porque tenho dó de desperdiçar os que já tenho. Eu sempre tive muito mais cabides do que roupas. Quando você faz descartes regulares no seu armário, os cabides acabam ficando vazios, rs. Uma outra questão é que eles não são exatamente baratos para sair comprando – nenhum cabide é, né? Na média do que vejo por aí cada um sai a uns 5 reais. E nem adiantou correr para os sites chineses. Mesmo lá não é super barato. Uma das melhores ofertas que vi é do Walmart por R$3,46 a unidade. Assim o valor da dezena cai de 50,00 para 35,00, menos mal. O que acham do cabide de veludo?

Beijos,

gabi

POSTS RELACIONADOS

UM VÍRUS NO SEU ARMÁRIO: OS SAQUINHOS
10 DICAS DE ORGANIZAÇÃO DA MICAELA GÓES

UM VÍRUS NO SEU ARMÁRIO: OS SAQUINHOS

Comportamento
13/06/2017

Eu sou uma pessoa hiperbólica, sabemos. Mas não é exagero quando eu digo que o seu armário, sua vida, está (muito provavelmente) tomada por um monstro disfarçado de utilidade: saquinhos. Saquinhos de TNT ou tecido. Sim, aqueles saquinhos que acompanham ou você compra para armazenar sapatos no guarda-roupa ou em viagens… Aquilo é um vírus!

saquinhos sapato organizacao armario consultoria de imagem

Ano passado eu li o livro da Marie Kondo a Arte da Organização. Spoiler alert: não é sobre organização coisa nenhuma, é sobre descarte. Ainda assim é maravilhoso! Depois da leitura eu fiz uma limpa completa e joguei fora/doei milhares de coisas. Dentre os itens mais inúteis e omnipresentes da minha vida estavam os tais saquinhos. Eu tinha dezenas deles! O suficiente para encher uma sacola de lixo de 100 litros. Já imaginou? E olha que eu sequer guardo meus sapatos dentro deles. 

saquinhos sapato organizacao armario consultoria de imagem  

Eu tinha isso tudo para o clássico “vai que eu preciso“. E como eles não estavam todos num mesmo lugar, (se espalham como um vírus, eu disse!) eu nunca notei que havia tantos. E digo mais: como Consultora de Imagem, vejo o armário de muita gente e posso garantir: não é exclusividade minha. Já vi muitas vítimas com a mesma taxa de contaminação (algumas devem se reconhecer nete post, rs). E permita-me fazer uma afirmação controversa: você não precisa dos saquinhos. Calma que eu explico. 

saquinhos sapato organizacao armario consultoria de imagem

A verdade é que apesar do saquinho ajudar a conservar o aspecto do sapato (mas lembrem que dependendo do material, pode ser ruim, já que o couro precisa respirar e ainda tem a umidade depois do uso), ele é péssimo na hora de montar o look. Se você guarda seus sapatos embalados, você não consegue vê-los todos de uma vez quando precisar compor uma produção. Resultado: você vai acabar usando sempre os mesmos. Eu sei que poucas pessoas privilegiadas conseguem dispor de espaço para guardar todos os sapatos à vista, mas quanto mais evidentes eles estiverem para você, melhor. Assim fica fácil pensar fora da caixa e criar algo diferente. 

Eu mesma tenho tentado reduzir o número de pares para manter só aqueles que eu consigo ver dentro do armário. Não adianta ter 100 modelos se você só enxerga 10. Aqueles saquinhos que têm uma “janelinha” transparente ajudam, mas não é a mesma coisa que deixar em evidência. Já para viagens, eu recomendo que você guarde uma meia-dúzia destes sacos e só. Eu joguei quase tudo fora, porque criei terror, rs. Até os das bolsas eu me livrei. Guardei só os daquelas que têm algum potencial para venda no futuro, rs. Eu juro: você não precisa deles. Eles só entulham seu armário e embaçam a criatividade, rs.

Beijos,

gabi

POSTS RELACIONADOS

O EFEITO PÉ DE PORCO
CARA DE CARO :: ESCOLHENDO UM SAPATO
O MELHOR CABIDE DO MUNDO
DE QUANTOS SAPATOS VOCÊ PRECISA?

10 DICAS DE ORGANIZAÇÃO DA MICAELA GÓES

Comportamento
22/10/2016

Organização
Como virginiana, é apenas natural que eu me sinta atraída pelo programa Santa Ajuda do GNT. Sinto até um vigor depois de assistir à bagunça virando ordem! Por isso, adorei o convite que recebi do canal: participar de um curso na Perestroika com a própria Micaela Góes sobre Organizaçãoterapia. A Consultoria de Imagem e a organização são uma espécie de primos de segundo grau. Têm muita coisa em comum. Aprendi um bocado e anotei muita coisa, dentre elas, 10 dicas de ouro da Micaela para a arrumação (algumas com contribuição de interpretação pessoal, rs):

  screen-shot-2016-10-20-at-3-38-46-am

1) Descarte tudo o que não precisa. Divida suas coisas em 3 grupos: o que vai manter, o que vai doar e o que vai para o lixo. Quem assiste ao programa, já sabe como é. 

2) Fazer listas com objetivos e tarefas. A Micaela é uma ninja das listas, com escala de prioridade e por departamentos. Eu adoro uma listinha, mas as escrevo em qualquer lugar e acabo perdendo algumas depois. O segredo é ter um só caderno, que pode ser segmentado como você quiser. Dá para usar cores ou até marcadores tipo post-it. 

3) Torne a tarefa de organização divertida: música, roupa confortável… Quando li a Marie Kondo, ela dizia para não usar música, porque te distrai da tarefa. Esta foi a única regra da japonesa que eu rejeitei por completo. Um som ligado é prerrogativa para arrumar, no meu caso. 

bccc54ced736f3cbd82489a70ddc05e9

4) Comece e termine o que começou. Definitivamente a mais difícil, a meu ver. O importante é ir com o pé direito: estabelecer objetivos realistas e factíveis. Assim você não assume mais do que pode cumprir e não se frustra. 

5) Encontre o lugar certo para cada coisa. A cozinha é onde você mais usa a tesoura? Então é lá que ela deve ficar. No meu caso, tenho 5 tesouras em casa, cada uma com seu devido lugar. Recomendo! Tem muita demanda para elas, rs. 

6) Guardar no lugar mais intuitivo. Caso você esqueça onde botou, onde vai ser o primeiro lugar que você vai procurar? Talvez este seja o melhor espaço. 

img_3921

7) Comece “de fora para dentro”. Inicialmente, parta para o que está mais visível, a bagunça mais evidente e aparente. Só depois arrume caixas e gavetas – coisa que você pode fazer sentada, vendo TV. Experiência própria!

8) Coloque as coisas de volta. Por que é tão difícil botarmos as coisas de onde as tiramos? Eu tenho uma dificuldade enorme com isso. Vou ter que trabalhar nesta parte…

9) Não deixe a bagunça acumular. Arrume um pouquinho todo dia, assim não vai se tornar uma missão a cada vez. 

10) Simplifique, acumule menos, compre menos. Isso eu já faço com louvor, por conta do meu trabalho e ainda mais depois que li a Marie Kondo. Posso testemunhar que a vida melhora muito fazendo escolhas melhores e mais sensatas de consumo. Só falta conseguir levar esta parte para a comida, rs. 

Adorei aprender mais sobre organização com a Micaela Góes e obrigada ao GNT pelo convite. E quem tiver mais dicas de organização, por favor, divida com o grupo! Sempre são muito bem-vindas. 

Beijos,

gabi

POSTS RELACIONADOS

O MELHOR CABIDE DO MUNDO
UM VÍRUS NO SEU ARMÁRIO: OS SAQUINHOS