VOCÊ NÃO TEM O QUADRIL GRANDE

Consultoria de Imagem
10/02/2018

Ou tem? Se você perguntar sobre tipo físico para qualquer brasileira, 11 entre 10 delas vai te responder alguma coisa relacionada ao seu quadril grande. Eu acredito que exista sim uma predominância de corpos tipo triângulo (lembram do post de tipo físico?), também conhecido como pêra. Afinal, nossa miscigenação contribui muito para isso e não é à toa que nossas  cadeiras são reconhecidas internacionalmente – virando até nome de cirurgia plástica, a tal Brazilian Butt. Mas porque você tem um quadril grande quer dizer que você é de corpo triângulo? Não necessariamente…

Como eu sempre digo e repito, o que a consultoria de imagem avalia nunca é a medida absoluta. O que entra no mérito é a proporção, que não pode ser avaliada sem relação. Ou seja, mais uma vez, é tudo relativo. Lá no post de tipos físicos eu expliquei que a proporção ideal é o ampulheta. Veja bem, quando eu digo ideal, não é o que a Vogue falou. “Ideal” porque é o que os nossos cérebros esperam. Não tem tanto a ver com cultura, mas com nosso chip de fábrica mesmo, como humanos. Então não briguem comigo por “validar um padrão”… A culpa é dos nossos neurônios, rs. Retomando, no corpo ampulheta o quadril e os ombros são visualmente da mesma largura e a cintura é menor que ambos. Muito menor, pouco menor? Tanto faz, desde que seja menor. 

quadril grande

Bumbum não é necessariamente quadril

Sendo assim, ainda que seu quadril fosse do perímetro do globo, se seus ombros também fossem, você ainda seria ampulheta. E se os ombros forem ainda maiores, mesmo com quadril grande, você provavelmente teria um físico triângulo invertido. Claro que eu estou exagerando um bocado. Afinal, sou a pessoa mais hiperbólica do mundo (ba dum tsss!). Mas o alerta vale para quem acha que está fora da proporção e talvez não esteja. 

quadril grande

Marquita Pring, modelo plus size – ou como quiserem chamar: 114 cm de quadril (o mesmo que eu, rs) e corpo ampulheta. 

Para quem realmente tem um quadril grande e que é visualmente maior do que os ombros (ou que tenha ombros estreitos), não precisa se lamentar também. Afinal, truque não falta! Basta diminuir visualmente o quadril ou aumentar os ombros – ou ambos. Por exemplo: uma saia escura e um blazer claro. Bem simples, né? Ou um decote ombro a ombro, que é febre há anos. Ou uma parte de baixo sequinha com blusa chamativa… Recurso não falta:

[É vitrine! Pode clicar na peça se quiser comprar.]

Enfim, não importa tanto o seu tipo físico ou se você tem quadril grande. O importante é saber qual é este tipo e qual demanda você tem para equilibrar proporções. Apesar de todas as ponderações acima, eu mesma sou triângulo. É por pouco mas sou, rs. Por isso que eu geralmente estou de calças escuras e/ou blazer. Já é um reflexo! E vocês? Vão sair deste post com o mesmo tipo físico que achavam que tinham quando clicaram? Ou descobriram algo diferente?

Lembrando que estou começando a elaborar novos lançamentos e conteúdo exclusivo para e-mails. Quem quiser ir além do blog precisa apenas se inscrever neste formulário abaixo:



 

Algumas pessoas tiveram problemas com ele, então pode acessar também o formulário clicando neste link e preenchendo seu e-mail. Se tiverem mais problemas, me avisem. E obrigada a quem deu o toque!

Beijos,

gabi

POSTS RELACIONADOS

O EFEITO PÉ DE PORCO
SOBRE A RELAÇÃO CORPO X ROUPA
ESPECIAL NOIVAS :: O MELHOR VESTIDO DE NOIVA DO SEU TIPO FÍSICO
TENDÊNCIA :: A SAIA PLISSADA E O TIPO FÍSICO
  1. Pingback: Drops Fashionismo #1 - Fashionismo