COMO REMOVER GLITTER DA SUA PELE, CABELO E UNHA

Beleza
12/02/2018

Eu sei que ainda estamos no meio do Carnaval, mas é bem possível que já tenha gente precisando deste post. Já tive uma boa dose de glitter na minha vida e sei bem as delícias e os suplícios que essas partículas brilhantes trazem para nossas vidas. Glitter é pura alegria, até que chega a hora de tirar. Então, resolvi dar uma ajudinha com truques para remover o dito cujo da maneira mais fácil, de pele, cabelo, unha e até roupa.

Se você clicou neste post é bem capaz de você estar com glitter até nas vias respiratórias. E isso é normal… Ou pelo menos comum. Mas se você ainda não está nesse ponto e pretende se maquiar com o brilho ainda, saiba que vale planejar a retirada antes mesmo da aplicação: se você jogar diretamente sobre a pele, vai ficar mais difícil de tirar. O truque é aplicar com algum produto em gel, de preferência a base de óleo como o de oliva, por exemplo. Um ótimo truque é usar aquele gel pós-sol de aloe vera para aplicar. É melhor que vaselina (que é muito grudenta), segundo a maquiadora Jess Cheetham, mestre do glitter.

Mas se agora é tarde e o glitter já se incorporou ao seu DNA, ainda tem salvação. A pior coisa que você pode fazer é usar um lenço umedecido. Ele só espalha tudo. O truque é passar óleo de coco na pele primeiro e só depois usar o lenço umedecido ou uma esponja. Aliás, óleo de coco é unânime nas recomendações para remover glitter (e unânime no resto todo também, né? O bicho é bom pra tudo!). Na falta do óleo, use um demaquilante bifásico. Eu recomendo o Bi-Facil da Lancôme. Amor eterno! Inclusive, perdi o meu e agora vou comprar outro.

Sobrou glitter mesmo assim depois disso? Tem mais dica. Basta enrolar um durex (fita adesiva para os técnicos) nos dedos e ir capturando os danados. Funciona e não é uma dica que se aplica só ao carnaval. Se você usar glitter na maquiagem durante o resto do ano, é ótimo para catar os perdidos que caem da pálpebra. 

Foto via The Beauty Department

A dica do óleo de coco também vale para o cabelo ou barba. Tem que passar o óleo no cabelo todo, espalhar, deixar uns minutos – até porque, já que você tá fazendo o processo, serve para hidratar também, né? Depois é só enxaguar com água quente (não precisa ser escaldante, rs). 

Já para o glitter na unha, a solução é meio que uma geringonça mas funciona. O truque é embeber um pedaço de algodão em acetona, colocar sobre a unha e embrulhar com papel alumínio. Espera uns 5 minutos já pode tirar. Dá trabalho, mas sai tudinho! Esse eu já fiz e posso atestar. O único glitter que não sai fácil nem com isso são aqueles esmaltes de glitter quadrado grande. Esses eu não uso nunca mais! É um pesadelo. Mais fácil esperar a unha crescer, rs.

A dica bônus é para tirar glitter da roupa. Aviso: eu nunca fiz isso antes! Mas a dica está na InStyle, então acho que é relativamente confiável… Aparentemente, o melhor jeito de tirar glitter da roupa é borrifar spray de cabelo. Isso mesmo, laquê! Achei inovador e a promessa é que tira tudo mesmo. Segundo a publicação, você deve borrifar o spray na peça de roupa e lavar separadamente, para o glitter não ir para as demais roupas da máquina. Se você quiser lavar na mão, eu não vejo porque não… Mas eles falam de máquina mesmo. 

Só vamos lembrar de dar preferência para o glitter biodegradável, ok? Pensem que todo esse glitter desce ralo abaixo no fim do carnaval e vai parar nos oceanos. Se você não liga para o meio-ambiente, pelo menos pense que você não vai querer isso no seu sushi… E depois de tentarem essas táticas, me dêem feedback, já quem nem todos os truques são meus e eu quero saber se funcionou, rs.

Beijos,

gabi

VOCÊ NÃO TEM O QUADRIL GRANDE

Consultoria de Imagem
10/02/2018

Ou tem? Se você perguntar sobre tipo físico para qualquer brasileira, 11 entre 10 delas vai te responder alguma coisa relacionada ao seu quadril grande. Eu acredito que exista sim uma predominância de corpos tipo triângulo (lembram do post de tipo físico?), também conhecido como pêra. Afinal, nossa miscigenação contribui muito para isso e não é à toa que nossas  cadeiras são reconhecidas internacionalmente – virando até nome de cirurgia plástica, a tal Brazilian Butt. Mas porque você tem um quadril grande quer dizer que você é de corpo triângulo? Não necessariamente…

Como eu sempre digo e repito, o que a consultoria de imagem avalia nunca é a medida absoluta. O que entra no mérito é a proporção, que não pode ser avaliada sem relação. Ou seja, mais uma vez, é tudo relativo. Lá no post de tipos físicos eu expliquei que a proporção ideal é o ampulheta. Veja bem, quando eu digo ideal, não é o que a Vogue falou. “Ideal” porque é o que os nossos cérebros esperam. Não tem tanto a ver com cultura, mas com nosso chip de fábrica mesmo, como humanos. Então não briguem comigo por “validar um padrão”… A culpa é dos nossos neurônios, rs. Retomando, no corpo ampulheta o quadril e os ombros são visualmente da mesma largura e a cintura é menor que ambos. Muito menor, pouco menor? Tanto faz, desde que seja menor. 

quadril grande

Bumbum não é necessariamente quadril

Sendo assim, ainda que seu quadril fosse do perímetro do globo, se seus ombros também fossem, você ainda seria ampulheta. E se os ombros forem ainda maiores, mesmo com quadril grande, você provavelmente teria um físico triângulo invertido. Claro que eu estou exagerando um bocado. Afinal, sou a pessoa mais hiperbólica do mundo (ba dum tsss!). Mas o alerta vale para quem acha que está fora da proporção e talvez não esteja. 

quadril grande

Marquita Pring, modelo plus size – ou como quiserem chamar: 114 cm de quadril (o mesmo que eu, rs) e corpo ampulheta. 

Para quem realmente tem um quadril grande e que é visualmente maior do que os ombros (ou que tenha ombros estreitos), não precisa se lamentar também. Afinal, truque não falta! Basta diminuir visualmente o quadril ou aumentar os ombros – ou ambos. Por exemplo: uma saia escura e um blazer claro. Bem simples, né? Ou um decote ombro a ombro, que é febre há anos. Ou uma parte de baixo sequinha com blusa chamativa… Recurso não falta:

[É vitrine! Pode clicar na peça se quiser comprar.]

Enfim, não importa tanto o seu tipo físico ou se você tem quadril grande. O importante é saber qual é este tipo e qual demanda você tem para equilibrar proporções. Apesar de todas as ponderações acima, eu mesma sou triângulo. É por pouco mas sou, rs. Por isso que eu geralmente estou de calças escuras e/ou blazer. Já é um reflexo! E vocês? Vão sair deste post com o mesmo tipo físico que achavam que tinham quando clicaram? Ou descobriram algo diferente?

Lembrando que estou começando a elaborar novos lançamentos e conteúdo exclusivo para e-mails. Quem quiser ir além do blog precisa apenas se inscrever neste formulário abaixo:



 

Algumas pessoas tiveram problemas com ele, então pode acessar também o formulário clicando neste link e preenchendo seu e-mail. Se tiverem mais problemas, me avisem. E obrigada a quem deu o toque!

Beijos,

gabi

POSTS RELACIONADOS

O EFEITO PÉ DE PORCO
SOBRE A RELAÇÃO CORPO X ROUPA
ESPECIAL NOIVAS :: O MELHOR VESTIDO DE NOIVA DO SEU TIPO FÍSICO
TENDÊNCIA :: A SAIA PLISSADA E O TIPO FÍSICO

15 PIJAMAS BEM LINDOS PARA VOCÊ PASSAR O CARNAVAL

Estilo
08/02/2018

Isso é a minha maneira de dizer que eu não sou grande fã do carnaval? Com certeza. Desculpa mundo. Apesar de carioca com orgulho, não tem nada menos atraente para mim do que um bloco de rua. A Sapucaí sim eu acho o máximo mas não estou com esse prestígio todo, rs. Se você é como eu e prefere uma noitada com o DJ Pillow à folia, vem comigo dar uma olhada nesses pijamas perfeitos para passar os 5 dias na horizontal:

  Estrelado | Listrado | Azul bebê

Tem para todos os gostos, dos mais confortáveis aos mais sedutores… Mas nada muito exuberante, afinal é feriado. Confesso que eu nunca fui muito uma pessoa de pijamas, sempre juntei duas peças de roupa velha e tava ótimo. Também sou grande adepta de cuecas samba-canção com blusa de alcinha. Com o tempo a fronteira da roupa e dos pijamas ficou cada vez mais tênue, rs. Talvez por isso (ou com a idade, abafa) tenho sentido uma vontade de comprar uns pijamas de verdade

Branco e cinza | Robe | Camisola Best Dressed | Baby Doll | Listras Coloridas | Camisola preta

A verdade é que eu sempre achei que não valia a pena gastar o valor de uma roupa num traje para dormir. Mas isso tem tanta lógica quanto não comprar lingerie bonita porque ninguém (supostamente) vai ver. A gente não pode ignorar o poder que uma lingerie bonita tem na nossa confiança… Por isso, quero aplicar o mesmo princípio para os pijamas. O que vocês acham?

Baby doll marinho | Tucano | Baby Doll azul bebê | Banana | Preto rosê e azul | Cinza listrado

Voltando ao Carnaval, pensei em tornar este post um pouco mais interativo. O que vocês vão assistir nas férias? Sim, tudo um pretexto para descobrir umas séries novas. Eu vou recomendar algumas recentes que eu mais gostei nos últimos tempos: The Handmaid’s Tale, The Good Place, This is Us, La Casa de Papel, Dark e The Sinner. Espero que contribua com o entretenimento dos próximos dias… Bom carnaval a todos, com folia ou sem!

Beijos,

gabi

POSTS RELACIONADOS

VIRTINE :: 10 BLUSAS PARA O VERÃO QUE COBREM O BRAÇO