3 LOOKS DO CRITICS’ CHOICE AWARDS 2018

Estilo
12/01/2018

Amo janeiro porque tem premiação dia sim, dia não! A poeira do Globo de Ouro nem baixou e já temos outro red carpet! Desta vez não vou fazer um post completão, até para não esgotar o tema precocemente, mas selecionei 3 looks que eu gostaria muito de comentar e apreciar. Eu não assisti à premiação do Critics’ Choice 2018 e não consegui me inteirar ainda da cerimônia ou dos vitoriosos. Então hoje é só look mesmo, rs: 

Angelina Jolie foi num Ralph & Russo (eu construiria um monumento para louvar esta marca) branco e repetiu as plumas do Golden Globe para o Critics’ Choice. Eu fiquei maravilhada com este look. Depois dividida. Depois amei de novo. Meu dilema é que nas fotos ela parecia amarela com a cor. Por fim, percebi que estavam todas amarelas e que era culpa da luz das fotos, rs. Mas encontrei esta imagem que não estava com a luz distorcida e pude gostar de novo. 

Eu não sei se Angelina tem branco na sua cartela, eu diria que é uma possibilidade. Pelo menos em matéria de contraste a coisa toda ficou perfeita. O batom forte foi a escolha perfeita para coordenar com o branco puro (que pode não parecer, mas contrasta bem porque é vivo). A modelagem é impecável e ajuda a dar alguma volúpia para ela que está tão magrinha. A assimetria é um bom trunfo para usar este comprimento quando se é mignon. 

Neste momento talvez vocês se perguntem que tipo de drogas pesadas eu tomei no café da manhã. Mas antes de rejeitar este look Delpozo da Kiernan Shipka (a filha mais pentelha de Don Draper em Mad Men) pense que ela tem apenas 18 anos. O que eu espero de uma adolescente num red carpet? Exatamente isso. Um look lúdico, criativo, colorido e tudo isso sem perder a beleza e a elegância. Nota 10 para ela que não fez a Millie Bobby Brown (amo nossa Eleven mais do que ela ama Mike, mas tem rolado uma adultização meio esquisita) e foi com uma roupa divertida e fashionista ao mesmo tempo. Aliás, uma boa maneira de incorporar a tendência dos tons sorbet. Adorei que casou com cabelo comportado e sapato metalizado – item universal. Gostam deste look também ou estou míope?

Eu não sei porque mas sinto uma serotonina forte quando olho para esta imagem de Jessica Biel em seu Oscar de La Renta. Pode ser porque eu acho ela a mulher mais “pacote completo” em matéria de beleza/corpo da indústria (Deus, pode me mandar assim na próxima vida, ok? Mas com um marido melhor). Pode ser porque eu amo a marca também. Pode ser porque eu fiquei obcecada por The Sinner (vejam!). Mas além dessas coisas, acho que o look todo foi muito bem resolvido. Eu não teria usado preto para ela. Mas a transparência logo abaixo do rosto e as pitadas de rosa e vermelho (par perfeito) deram uma ajustada certeira na cor. E a simetria com o batom é muito satisfatória. Para quem não tem preto na cartela, pode seguir o passo-a-passo! Preferi este do Critics’ Choice ao do Golden Globes. E vocês? 

Beijos,

gabi

POSTS RELACIONADOS

ENGANANDO O CONTRASTE COM CARA DELEVINGNE
POST DEFINITIVO SOBRE CONTRASTE & COLORAÇÃO PESSOAL
QUÃO IMPORTANTE É A MAQUIAGEM PARA O SEU CONTRASTE?
AMFAR 2017 :: ANÁLISE DOS LOOKS

ENGANANDO O CONTRASTE COM CARA DELEVINGNE

Consultoria de Imagem
25/07/2017

Há algum tempo eu escrevi aqui sobre o dilema de quem é alto contraste e tem um caso de amor com beges e seus similares. Na ocasião, algumas pessoas me perguntaram sobre o paradigma inverso: e quem tem um contraste mais baixo mas quer usar cores contrastantes? Hoje trago para você um exemplo prático que deu certo. Um oferecimento de Cara Delevingne:

Cara delevingne Contraste 

Ontem teve uma premiere de Valerian (vocês não têm noção de quantas vezes eu confundi com Valyrian… Ando muito Game of Thrones), o novo filme de Luc Besson estrelado pela própria. Aliás, ela tem usado umas produções bem interessantes! No evento de ontem, Cara Delevingne optou por um look bem elaborado da Burberry, um terno preto com bijoux exuberantes e brilhantes. 

Acontece que Cara anda com os cabelos platinados. Some isso à pele e olhos claros. Se não fosse a sobrancelha preta, Cara Delevingne seria bem baixo contraste. Desta forma, o preto do terno e o quase branco brilhante do colar destoam demais do seu contraste atual. Mas eis que cara fez uso de um recurso que eu costumo recomendar para as minhas clientes que não abrem mão de usar peças em cores marcantes: forjou um contraste mais alto

Cara delevingne Contraste

Como isso funciona? Ela foi muito esperta e usou diversos artifícios. Além da sua habitual sobrancelha marcada, foi escurecendo ou marcando os elementos acerca do seu rosto. Um olho preto, uma boca vermelha e até uma faixinha preta contrastando com o cabelo. Assim ela não só nivelou melhor o contraste, como criou vários pontos focais na face – onde interessa. Outro ponto interessante é que existe uma simetria no branco e preto do cabelo com o da roupa. Assim ficou tudo bastante equilibrado e certeiro, pelo menos no que diz respeito ao contraste (eu acredito que ela é de alguma estação opaca, sem preto, mas isso é para outro capítulo). 

Claro que esse é apenas um exemplo prático, mas já serve para dar umas idéias. Conforme mais opções forem surgindo, eu vou trazendo para cá! O que acharam?

Beijos,

gabi

POSTS RELACIONADOS

KATE MIDDLETON E A CRISE DO VESTIDO
A SUA CARTELA DE CORES PODE MUDAR?
3 LOOKS DO CRITICS’ CHOICE AWARDS 2018
SABRINA SATO :: AZUL OU DOURADA?

POST DEFINITIVO SOBRE CONTRASTE & COLORAÇÃO PESSOAL

Consultoria de Imagem
09/06/2017

Eu sempre falo sobre a noção de contraste na coloração pessoal aqui no blog. Eu insisto tanto nessa parte, porque é a única parte da Análise Cromática que pode ser identificada imediatamente, sem material ou luz especial. Longe de ser a única característica importante, mas é a mais acessível, rs. Por isso, eu encorajo todo mundo a dominar esse conceito e a botar em prática! Mas o que é isso afinal?

Contraste analise cromatica gabriela ganem consultoria de imagem

O contraste é, na prática, a diferença entre cor do cabelo, sobrancelha e olhos em relação ao tom da pele. Quando a discrepância é grande, a pessoa é alto contraste. Quando a diferença é sutil ou nenhuma (eu estou falando de você, Nicole Kidman), então a pessoa é baixo contraste.

Supondo que seja alguém como a Cléo Pires, de pele clarinha e o resto todo bem preto. Esta pessoa é muito contrastada. Mas imagine que seja a Cléo Pires daquela novela da Turquia (Salve Jorge). Atrizes sempre mudam para papéis, certo? Neste caso a Cléo ficou loirassa! O que acontece com o contraste nessa situação? Baixou quase por completo. Isso porque de toda a Coloração Pessoal, a única coisa que pode mudar ao longo da vida é justamente o contraste. Algumas pessoas podem ter todos os níveis durante a vida, dependendo das mudanças capilares, bronzeado e outras intervenções. Observem a Jennifer Lawrence:

Contraste analise cromatica gabriela ganem consultoria de imagem

Tem ainda o meio-termo, o médio contraste. Eu também costumo tratar a escala como o ponto da carne: baixo, baixo-médio, médio, médio-alto, alto. Segmento em 5 etapas porque apenas 3 classificações acabam não sendo abrangentes o suficiente. Então, observando a diferença entre pele e pêlos (e íris) dá para determinar fácil o contraste de alguém. Para ajudar no aprendizado, preparei um quiz maroto para todo mundo ver se está afiado:


Como vocês se saíram? Eu fiz um teste bem molezinha e só com três opções, ao invés de cinco, para facilitar. Para quem errou, vale refazer o teste para ter certeza, rs. 

Por que o contraste é tratado à parte da cartela de cores da Análise Cromática? Porque duas pessoas podem ter a mesma cartela e contrastes completamente diferentes e vice-versa. Então, eu sempre explico que é um recurso complementar. Você pode usar todas as cores da sua cartela, sempre. Mas recomendo que na hora do styling considere o equilíbrio de cores perto do rosto. 

Contraste analise cromatica gabriela ganem consultoria de imagem

Agora que você sabe como identificar este traço, como botar isso em prática nas roupas e acessórios? Basta repetir seu grau de contraste nas peças! No meu caso, que sou bem contrastada, busco usar itens que destoem bastante da minha pele. Se eu não puder fazer isso com a roupa, compenso com o batom, com bijoux, com lenço… Ou pelo menos solto o cabelo, rs. O importante é que a sua fisionomia não “desapareça” em meio às roupas. 

Contraste analise cromatica gabriela ganem consultoria de imagem

O cabelo claro da Jennifer Lopez tem me incomodado tanto…

Uma outra questão é se seu contraste atual é realmente a sua melhor versão. Esse é um daqueles casos em que a Consultoria de imagem deixa de ser estritamente técnica e deixa brecha para o olhar da Consultora entrar no mérito. Muitas vezes eu noto que tem algo que não está totalmente equilibrado no contraste de uma cliente e nesses casos eu dou algumas sugestões. Na maioria das vezes é algo relacionado à tintura do cabelo ou ao estado da sobrancelha. 

Espero que este post ajude todo mundo a identificar seu contraste e a colocar o aprendizado em prática! E para quem quiser se aprofundar mais, vale conferir a página de portfólio e serviços para conhecer os pacotes de Consultoria de Imagem que eu ofereço.

Beijos,

gabi

POSTS RELACIONADOS

KATE MIDDLETON E A CRISE DO VESTIDO
A SUA CARTELA DE CORES PODE MUDAR?
3 LOOKS DO CRITICS’ CHOICE AWARDS 2018
SABRINA SATO :: AZUL OU DOURADA?